Diário de Viagem: Milão

Milão, uma das principais capitais do mundo, fez parte do nosso roteiro turístico pela Itália. Ficamos três dias por lá, sendo que em um deles comemoramos a noite de Natal.  Quando fui? Dezembro de 2016 (inverno, média de 5 graus). Quanto tempo fiquei na cidade? Três dias. Onde fiquei hospedada? NH Milano Touring. OBS: A rede […]

09 julho de 2017

Milão, uma das principais capitais do mundo, fez parte do nosso roteiro turístico pela Itália. Ficamos três dias por lá, sendo que em um deles comemoramos a noite de Natal. 

Quando fui? Dezembro de 2016 (inverno, média de 5 graus).

Quanto tempo fiquei na cidade? Três dias.

Onde fiquei hospedada? NH Milano Touring.

OBS: A rede NH é excelente! O hotel tem 4 estrelas, o quarto é impecável e o café da manhã é maravilhoso! Já ficamos várias vezes, inclusive em outros países. Recomendo muito!

O QUE FAZER EM MILÃO?

 

O Castelo Sforzesco foi construído em meados do século XIV e leva esse nome em homenagem à família Sforza, que governava Milão no século XVI. Muito mais que um castelo, o local ainda abriga museus e bibliotecas, agregando um valor cultural à cidade. Entre os artistas que possuem suas obras expostas por ali, pode-se destacar Da Vinci e Michelangelo.

Endereço: Piazza Castello.

Horário de funcionamento:

– Castelo: todos os dias, das 7h às 19h30.

– Museus: de terça-feira a domingo, das 9h às 17h30.

Preço:

– Castelo: entrada gratuita.

– Museus: 5 euros (entrada gratuita de terça-feira após 14h ou de quarta-feira a domingo 1h antes do fechamento). 

Para mais informações, acesse o site oficialwww.milanocastello.it

A igreja Santa Maria delle Grazie é mundialmente famosa por um pintura icônica: “A última ceia”, de Leonardo da Vinci, foi pintada na parede do refeitório do convento. Ela representa a cena da última ceia de Jesus com seus Apóstolos, antes de ser preso e crucificado como descreve a Bíblia. Considerada um dos patrimônios mundiais pela UNESCO, a Igreja foi fortemente bombardeada durante a Segunda Guerra Mundial, mas a parede onde está a pintura permaneceu intacta pois havia sido protegida por sacos de areia.

Endereço: Piazza di Santa Maria delle Grazie.

Horário de funcionamento: De terça a domingo, das 8h15 às 19h.

Preço: 10 euros + 2 euros de taxa de reserva (a visita deve ser agendada pelo site com meses de antecedência).

Para mais informações, acesse o site oficialwww.cenacolo.it

A construção da Duomo di Milano começou em 1386 e terminou apenas no século XIX. A catedral  católica tem um estilo gótico e é muito conhecida por suas torres pontiagudas. Dentro da Igreja, é possível conhecer a cripta de Charles Borromeo (arcebispo de Milão no século XVI), visitar uma área arqueológica e até mesmo subir ao seu terraço, de onde pode-se observar a cidade toda.

Endereço: Piazza del Duomo.

Horário de funcionamento: 

– Catedral: todos os dias, das 8h às 19h.

– Cripta de St. Charles: de segunda à sexta, das 11h às 17h30; aos sábados, das 11h às 17h; e aos domingos, das 13h30 às 15h30.

– Área arqueológica: todos os dias, das 9h às 19h.

– Terraço: todos os dias, das 9h às 17h.

Preço:

– Ticket de 3 euros inclui visita à catedral, museu da Duomo e igreja de San Gottardo in Corte.

– Ticket de 7 euros inclui visita à catedral, museu da Duomo, igreja de San Gottardo in Corte e área arqueológica.

– Terraço: 9 euros (para subir a pé) e 13 euros (para subir de elevador).

Para mais informações, acesse o site oficialwww.duomomilano.it

Na mesma praça em que está a Duomo di Milano, encontra-se a famosa Galleria Vittorio Emanuele II. Inaugurada em 1877, a galeria foi desenhada por Giuseppe Mengoni, que morreu tragicamente ao cair de um andaime antes da finalização das obras. Ela é considerada um dos primeiros shoppings do mundo e desde seu início abriga restaurantes, cafés e lojas de artigos de luxo – como a Prada, uma das primeiras a abrir no local.

O nome da galeria é em homenagem a Vítor Emanuel II, primeiro rei da Itália após sua unificação em 1861. A galeria também funciona como uma passagem entre a Piazza del Duomo (onde está a catedral) e a Piazza della Scala (onde está o Teatro alla Scala).

Reza a lenda que o local possui uma simpatia para dar sorte. Bem no centro da galeria, no encontro das vias, há os brasões das cidades de Milão, Turim, Florença e Roma. No de Turim encontra-se um touro, e a tradição manda pisar com o calcanhar do pé direito sobre a genitália do touro e girar três vezes sobre ele. O ritual é repetido milhares de vezes todos os dias por turistas que passam pelo local.

Endereço: Piazza del Duomo.

Para mais informações, acesse o site oficialwww.ingalleria.com

 

Milão é uma das principais capitais da moda do mundo, que esbanja luxo, sofisticação e glamour. Tem uma área na cidade conhecida como “quadrilátero da moda”, levando esse nome porque é uma junção de quatro ruas: Via della Spiga, Via Montenapoleone, Via Manzoni e Corso Venezia. Juntas, formam um retângulo repleto de lojas de grife, como Gucci, Valentino, Versace, entre outras.

 

O estádio Giuseppe Meazza, mais conhecido como San Siro, é a casa dos times F. C. Internazionale Milano (“Inter”) e A. C. Milan (“Milan”) e tem capacidade para mais de 80.000 torcedores. Dentro do estádio, há um museu com itens históricos de ambos os times, como troféus, camisas, bolas, chuteiras, entre outras lembranças. 

Endereço: Piazzale Angelo Moratti. 

Horário de funcionamento: todos os dias, das 9h30 às 18h.

Preço: 17 euros para o passeio pelo estádio e museu.

Para mais informações, acesse o site oficialwww.sansiro.net

 

O Teatro alla Scala é uma das mais famosas casas de ópera do mundo. Foi inaugurada em 1778 e até hoje possui um calendário repleto de apresentações. Os turistas que têm interesse em assistir uma apresentação, devem acessar o site com meses de antecedência para comprar os ingressos, que custam entre 20 e 180 euros.

Endereço: Piazza della Scala.

Para mais informações, acesse o site oficialwww.teatroallascala.org

Clique aqui para acessar mais posts da minha viagem à Itália!

autora da matéria Bárbara Pereira
compartilhe
comentários
comentários

Acompanhe no YouTube

Siga no Instagram @barbara_pereira

No finalzinho de 2020, decidi que iria tirar esse projeto do papel e enfim criar meu podcast de viagem. Falar sobre esse tema em plena pandemia parecia loucura - afinal, eu só acumulava viagens canceladas, não tinha perspectiva tão próxima de vacina e a situação econômica do país não era nada promissora. Ou seja, eu não conseguia enxergar nem uma semana à frente 😅
Vai ter muito conteúdo de viagem e gastronomia no LinkedIn SIM! Tô feliz demais em poder contar que agora faço parte do time de Creators do LinkedIn, com criadores de conteúdo selecionados pela plataforma - não sei fingir costume, isso é chique demais 😂
Pronta para viver e contar novas histórias. Cheguei, @cnnbrasil ❤️
Dizer adeus nunca é fácil, ainda mais quando a gente olha pra trás e enxerga uma trajetória repleta de amizades, alegrias e realizações. O Estadão foi minha casa por mais de três anos, ainda como estagiária e depois como parte da incrível equipe de redes sociais. Foi ali que entendi que o jornalismo não estava acabando, mas sim se reinventando. Vi e admirei o Drops de longe, para depois assumir esse projeto tão especial ao lado do melhor parceiro que poderia existir. Não dá pra pensar em qualquer outra palavra senão #gratiluz kkkkk por tudo o que vivi no jornal. Fui feliz demais da conta e hoje saio preenchida de amor, pronta para dar o próximo passo. Que venham novos momentos! Até logo, Estadão 💛
Um dos meus doces favoritos em São Paulo é do @delapaixbistro. A torta de suspiro é recheada com um creme de amêndoas, chocolate meio amargo e geleia de frutas vermelhas. A combinação é divina! O doce sai por R$ 19 e o restaurante fica na Rua Tupi, 844 - pertinho do Estádio do Pacaembu 😋
O Panamá é um país muito conhecido por ser uma escala aérea bem comum para quem está viajando com destino a América do Norte. Porém, a realidade é que ele pode ser muito mais que isso. O país é repleto de belezas naturais, tem praias de águas cristalinas e atrações bem interessantes que podem tornar, principalmente a Cidade do Panamá, um destino além da conexão.

Compre seu chip de internet com 30% de desconto usando o cupom BARBARA30




matérias relacionadas