Feriado em Madrid: o que fazer em dias festivos

Capital espanhola oferece opções de turismo, mas a maioria dos locais estarão fechados; veja o que fazer durante um feriado em Madrid

12 abril de 2022

Curiosamente, nas duas vezes que estive em Madrid, peguei períodos de feriados. Cidades grandes costumam oferecer diversas opções de turismo e entretenimento mesmo em datas festivas, mas é importante considerar que nem todos os pontos turísticos estarão abertos para visitação – por isso, atenção redobrada quando for escolher o período da sua viagem

Se o seu caso for similar ao meu e realmente não tiver como fugir de uma data festiva, ainda assim dá para curtir muito as atividades que a capital da Espanha oferece. 

Feriado em Madrid: quais passeios fazer?

Se eu penso em feriado, penso em coisas ao ar livre. E sabe o que vem na minha cabeça? Parques! O mais conhecido de Madrid é o El Retiro, um grande refúgio verde na capital. Ele foi construído no século 17 como área de lazer da corte. Possui jardins, lagos e muito espaço para caminhar. Um dos pontos mais procurados dentro do parque é o Palácio de Cristal, um pavilhão construído em 1887 para acolher plantas exóticas durante uma exposição. Ainda que ele esteja fechado, é lindíssimo de ver por fora! 

Parque El Retiro - feriado em Madrid

Parque El Retiro em Madrid

A Puerta de Alcalá é uma espécie de “arco do triunfo” criada no século 18 para marcar a entrada da cidade, quando Madrid ainda tinha uma muralha medieval ao seu redor. O monumento está situado na Praça da Independência, bem pertinho do parque El Retiro. 

Outra opção ao ar livre para dias festivos é a Puerta del Sol, uma espécie de “praça” do século 18. Nela, você encontra a estátua do Urso e do Medronheiro, símbolo da cidade de Madrid, e também o Relógio da Casa de Correios, onde são emitidas as badaladas de fim de ano desde 1962.

A praça mais famosa de Madrid é a Plaza Mayor. Ela tem formato retangular e está rodeada por edifícios de todos os lados, com entradas por meio de pórticos. Ali do ladinho, um point gastronômico que você não pode deixar de fora: vá ao Mercado San Miguel. É um complexo conhecido pelas tapas espanholas, como o jamón ibérico, mariscos, queijos… A estrutura é todinha de ferro e foi inspirada em outros mercados europeus desse mesmo estilo arquitetônico. 

Mercado de San Miguel - feriado em Madrid

Mercado de San Miguel em Madrid

Inclua a avenida mais famosa de Madrid em seu roteiro pela cidade: estou falando da Gran Vía, construída entre 1910 e 1929. Você sabia que, antigamente, ela era chamada popularmente de Broadway madrilenha? Isso porque tinham dezenas de cinemas e teatros na avenida. Hoje em dia, ela está repleta de restaurantes e lojas. Recomendo uma passadinha na Primark, uma fast fashion europeia. A unidade da Gran Vía possui cinco andares e mais de 12 mil metros quadrados. Isso faz com que ela seja a maior Primark da Espanha e a segunda maior do mundo – só perde em tamanho para a de Manchester.

Para encerrar, assista ao pôr do sol no Templo de Debod, que fica próximo à Plaza de España. O monumento data do século 2 a.C. e foi um presente do Egito para a Espanha. 

Gran Via - feriado em Madrid

Gran Vía iluminada no período da noite, vista do topo do Hotel RIU Plaza España

Acompanhe mais conteúdos de viagem pelo Instagram: @barbara_pereira 

autora da matéria Bárbara Pereira
compartilhe
comentários
comentários
matérias relacionadas